O que aconteceu no último mês no mercado de crédito e cobrança
04/10/2017
Algar Tech

O que aconteceu no último mês no mercado de crédito e cobrança

Seleção reúne informações relevantes do segmento de crédito e cobrança que aconteceram no último mês no país

A partir deste mês, iremos reunir e apresentar algumas notícias que foram destaque no segmento de crédito e cobrança no último mês. Na seleção a seguir, destacamos assuntos, como a situação de inadimplentes no Brasil, o desconhecimento de boa parte das pessoas em relação aos juros do cheque especial e a proposta de criação de dois novos formatos de fintechs no país.

Criação de dois novos tipos de Fintechs

O Banco Central (Bacen) submeteu à consulta pública a proposta de criação de dois novos formatos de fintechs que, se aprovados, poderão operar no país.  Os formatos, nomeados como Sociedade de Crédito Direto (SCD) e Sociedade de Empréstimo entre Pessoas (SEP), permitirão a realização de empréstimos através de plataformas eletrônicas.

De acordo com a resolução Bacen, a Sociedade de Crédito Direto classifica-se como uma instituição financeira destinada à concessão de empréstimo entre a plataforma eletrônica (credora) e pessoas físicas/jurídicas (tomadores). Já a Sociedade de Empréstimo entre Pessoas, apesar de também ser categorizada como uma instituição financeira para intermédio de operações de empréstimo, difere do modelo de SCD por permitir a coleta de recursos de credores (pessoas físicas ou jurídicas) e disponibilizar aos tomadores (pessoas físicas ou jurídicas).

De acordo com o mapeamento realizado no último ano pelo Finnovation, em conjunto com o Finnovista e o Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), o Brasil é o maior mercado de fintechs na América Latina. Segundo o portal FintechLab, o segmento apresentou crescimento de 350% nos últimos 18 meses.

Fonte: StarteSe

https://conteudo.startse.com.br/startups/redacao/banco-central-propoe-criacao-de-dois-novos-tipos-de-fintechs/

Parte dos brasileiros que possuem cheque especial desconhecem as taxas de juros

Uma das modalidades de crédito mais conhecidas e utilizadas no país, o cheque especial ainda tem suas taxas de juros desconhecidas por muitos brasileiros. Foi o que mostrou uma pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e a Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL).

Segundo a pesquisa, 51% dos consumidores que possuem cheque especial disponível para uso no banco não têm conhecimento sobre os juros que são cobrados quando essa modalidade é acionada pelos correntistas. Com taxas que ultrapassam 300% ao ano, as dívidas no cheque especial crescem de forma muito rápida, por isso recomenda-se que o consumidor só faça uso desse recurso em casos de extrema emergência e por um curto período de tempo, uma vez que quanto maior o período de saldo negativo, maiores serão os custos relacionados aos juros.

Fonte: Televendas & Cobrança

http://www.televendasecobranca.com.br/credito/51-dos-brasileiros-que-possuem-cheque-especial-desconhecem-as-taxas-de-juros-77000/

Falta de dinheiro é justificativa para uso maior de pagamentos com cartão de crédito

Uma pesquisa realizada pelo Procon do Paraná revelou que os consumidores têm adiado ao máximo o pagamento de suas despesas e utilizado cartões de crédito para isso. O levantamento, intitulado “Comportamento do consumidor em relação às formas de pagamento”, apontou que, apesar da aprovação da lei que permite preços diferenciados para determinadas formas de pagamento, o comportamento dos brasileiros não foi impactado de forma significativa até então.

Os números mostram que dos 77,8% dos consumidores que optam pela quitação de débitos no cartão de crédito, 53,9% afirmam que a escolha é motivada pela possibilidade de pagamento posterior. Esses dados vão de encontro a uma outra realidade divulgada por uma pesquisa do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil): as modalidades de crédito que os brasileiros mais possuem são cartão de crédito e cartão bandeirados de lojas, com 61% e 40% de preferência, respectivamente.   

Fonte: O Globo e Televendas & Cobrança

https://oglobo.globo.com/economia/defesa-do-consumidor/sem-dinheiro-na-mao-brasileiro-usa-cartao-de-credito-para-jogar-pagamentos-pra-frente-21622891

http://www.televendasecobranca.com.br/credito/cartao-de-loja-e-de-credito-sao-as-modalidades-mais-contratadas-apos-oferta-da-instituicao-financeira-77232/

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Nós ligamos pra você

Consultor especializado

mais perto da sua empresa.

PRONTO!

Em breve entraremos em contato com você.